SP participa de estudos sobre desenvolvimento sustentável

 em Notícias, ods, ods2

Com proposta de atuar no grupo “ODS: Agenda2030”, a ideia é buscar três pontos prioritários para conduzir pesquisa

A Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro) e a Fundação Academia Paulista de Direito (APD) elaborarão conteúdos sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

O tema Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) estará entre as três linhas de pesquisa da APD e que será dirigido, a convite da entidade, pelo coordenador da Codeagro, vinculada à Secretaria de Estado de Agricultura e Abastecimento, José Valverde.

O convite foi feito pelo presidente da entidade, Alfredo Attié Jr., na última quinta-feira (21). O encontro também teve a presença do professor Wanderley Lima, secretário-executivo do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (Comusan-SP).

Com a proposta de atuar no grupo “ODS: Agenda2030”, a ideia é buscar, entre os 17 eixos dos ODS, três pontos prioritários para conduzir a pesquisa. “A Emenda Constitucional nº 64/2010 traz a alimentação como um direito social. A promoção desse direito tem sido a nossa tarefa aqui na secretaria”, ressalta José Valverde.

Acesso

A APD foi fundada em 1972, quando o Brasil passava por um processo de efetivar os direitos. Na criação da entidade, o esboço das finalidades traz a ideia de despertar um conceito do Direito. Na avaliação de Alfredo Attié Jr., a transformação social é, sem dúvida, o caminho para que a população garanta o acesso às políticas públicas. “Passamos por um processo de mudança de paradigmas, para atuar na promoção e na defesa dos direitos humanos”, enfatiza.

O coordenador da Codeagro ressaltou que a realização do estudo será um ganho para o Estado. De acordo com José Valverde, no momento de construção do 1º Plano Estadual de Segurança Alimentar, a pesquisa contribuirá com o processo de construção da política pública. “Estou feliz em poder coordenar um grupo de trabalho com essa grande responsabilidade, mas usaremos a nossa prática diária como ferramenta de base para o trabalho”, acrescenta.

No campo da pesquisa, a academia assume um papel importante. “Os grupos foram criados ligados aos temas de maior desenvolvimento do Direito na atualidade. Ao fazer análises, a academia presta um serviço de relevância pública à sociedade”, afirma o presidente da APD.

José Valverde analisa que o estudo sobre o tema reforçará os compromissos do governador Márcio França e do secretário de Agricultura e Abastecimento. “Nosso objetivo é promover debates em que a população assume o papel de protagonista”, finaliza.

Fonte: SP Notícias 

Postagens Recomendadas

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar